Top Ad
Millenium Bim
www.bimcom
A sua banca aqui consigo
Matola Gas Company
www.mgc.com
A força da energia limpa moçambiana!
×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML

Manuel Chang será ouvido hoje: PGR emite comunicado

Published in Destaques
terça, 08 janeiro 2019 09:56

O deputado e antigo Ministro moçambicano das Finanças, Manuel Chang será ouvido, hoje, em audiência no Tribunal de de Kempton Park, Johannesburg, na África do Sul, em conexão com alegados actos de corrupção, branqueamento de capitais.

 

A Procuradoria-Geral da República (PGR), que se pronunciou pela primeira vez, ontem, afirma que da referida acusação, se verifica que, os factos de que os arguidos são acusados estão relacionados com o caso da dívida contraída entre 2013 e 2014 pelas empresas moçambicanas ProÍndicus, Ematum e MAM, junto dos bancos Credit Suisse e VTB Capital, com garantias do estado moçambicano.
A PGR refere que prossegue com a instrução preparatória, tendo sido até ao momento constituídos dezoito arguidos, entre servidores públicos e outros cidadãos, indiciados.
A instituição indica que corre na PGR o processo-crime 1/PGR/2015, onde são investigados os crimes de abuso de confiança, peculato, corrupção, branqueamento de capitais, burla por defraudação, entre outros, no âmbito da contracção dos empréstimos pelas três empresas moçambicanas.
E após o relatório final de auditoria realizada pela Kroll, em 2017, de entre várias diligências, a PGR emitiu pedidos de cooperação internacional a vários países, com destaque para os Emiratos Árabes Unidos, Reino Unido da Grã Bretanha e os Estados Unidos da América.
A instituição afirma também que está a encetar diligências junto das autoridades competentes sul-africanas e norte-americanas para acautelar interesses do estado moçambicano no que diz respeito a responsabilização dos infractores no território moçambicano e recuperação de activos.
No comunicado, a Procuradoria-Geral da República afirma entretanto que emitiu uma carta rogatória aos Estados Unidos da América solicitando informações referentes a movimentos bancários, contendo identificação de transferência de valores provenientes de empresas fornecedoras de bens e serviços sedeadas nos Emirados Árabes Unidos e noutros países, a favor de indivíduos suspeitos incluindo os constantes da acusação proferida pelas autoridades americanas, porém a PGR até a presente data não obteve resposta. ( RM)

Read 624 times

Escolha do editor

Publicidade

Cultura

Rádios Online

Antena Nacional

EP Gaza

EP Sofala

RM Desporto

EP Nampula

Inquerito

O que acha do nosso novo website?

Meteorologia

Maputo, MZ

Programação

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Connosco