Top Ad
Millenium Bim
www.bimcom
A sua banca aqui consigo
Matola Gas Company
www.mgc.com
A força da energia limpa moçambiana!
Destaques

Destaques (186)

O Presidente da República, Filipe Nyusi, dirige esta manhã, em Michafutene, distrito de Marracuene, província de Maputo, a décima terceira Cerimónia de Graduação em Ciências Policiais.

Trata-se de um acto que acontece num momento em que a Academia de Ciências Policiais, uma instituição de ensino superior, prepara-se para o lançamento do programa das celebrações dos 20 anos da sua criação.

A ACIPOL ministra cursos de licenciatura, mestrado académico e mestrado profissional em Ciências Policiais, tendo como finalidade assegurar a prestação de um serviço policial de qualidade na prevenção e combate à criminalidade. (RM)

O governo vai investir mais de 168 milhões e seiscentos mil meticais na vigilância e prevenção de novas pragas, no período entre 2018-2021, nas principais fronteiras nacionais, como são os casos de Negomano, em Cabo Delgado, Machipanda, em Manica e Ressano Garcia, em Maputo. 

O plano de acção deverá incidir sobretudo no controlo de algumas pragas já identificadas a exemplo da lagarta do funil do milho, mosca da fruta, amarelecimento letal do coqueiro e outras.
O facto foi anunciado, esta terça-feira, pela porta-voz do Governo, Ana Comoana, no final de mais uma sessão do Conselho de Ministros.
Na sessão de ontem, o governo apreciou e aprovou igualmente o regulamento de atribuição de ajudas de custo e de abono de passagens, nas deslocações em missão de serviço, dos funcionários e agentes do Estado.
O novo regulamento, aprovado pelo executivo moçambicano, para além de determinar as entidades competentes para conceder este subsídio, fixa limites de tempo e de distância na atribuição do mesmo.(RM)

O Presidente da República, Filipe Nyusi, exortou esta segunda-feira a nova direcção da CTA para que continue a ser parceira fundamental na reforma institucional e de políticas económicas, que viabilizam o fluxo de negócios no país.

O chefe do Estado que falava, em Maputo, num jantar, pela realização da quinta conferência anual do sector privado, frisou que Moçambique regista progressos para se tornar num dos melhores lugares do Mundo para se fazer negócio.

Filipe Nyusi pronunciou-se igualmente sobre a última publicação do doing-business, afirmando que os resultados devem deixar os moçambicanos desafiados e mais inconformados, para introduzir reformas mais arrojadas, que contribuam para o desenvolvimento da economia nacional.

 Presidente da República reconheceu perante os empresários que a corrupção é um de entre vários obstáculos que afectam o bom ambiente de negócios no país. (RM)

O Presidente da República, Filipe Nyusi, destacou esta segunda-feira a necessidade de o governo e a Confederação das Associações Económicas, CTA, debaterem matérias em busca de soluções para tornar o sector privado robusto em prol do desenvolvimento do país.

O Presidente da República, Filipe Nyusi, dirige esta manhã, em Maputo, a abertura oficial da décima quinta Conferência Anual do Sector Privado, CASP.

Na ocasião, o Chefe do Estado moçambicano vai testemunhar a Assinatura dos Memorandos sobre “Prioridades de Reformas 2018”, e do “Desenvolvimento da Plataforma SPX - um programa de desenvolvimento e preparação das Pequenas e Médias Empresas (PME’s) através de capacitação e certificação com vista a torná-las mais competitivas.”

O Presidente Nyusi vai igualmente participar na apresentação e debate dos temas “Inserção de Moçambique na actualidade económica internacional e formas de tirar proveito da transformação demográfica, Fazer Negócio e Uso da Terra.”

A Conferência Anual do Sector Privado é uma plataforma que representa o nível mais alto do Diálogo Público-Privado que visa entre outros avaliar o progresso das reformas, discutir as estratégias e oportunidades para o desenvolvimento do sector privado, e avaliar o ambiente de negócio no país. ( RM)

Subiu para seis, o número de crianças que perderam a vida, na sequência de um naufrágio registado, na última sexta-feira, no distrito de Vilankulo, província de Inhambane.

O corpo de uma das vítimas do naufrágio causado pelo mau tempo, foi localizado este domingo.

As vítimas encontravam-se numa embarcação de pesca que saía da Ilha de Magaruque para Vilankulo, com vinte pessoas a bordo.

Cinco das seis crianças que perderam a vida no acidente, eram da mesma família. ( RM Inhambane)

O Presidente da Frelimo, Filipe Nyusi, reitera o seu empenho, ao máximo, na busca de uma paz efectiva em Moçambique, embora reconheça que os caminhos não têm sido fáceis.

O Presidente da Frelimo, Filipe Nyusi, quer ver fortalecidos os órgãos do partido e organizações sociais para que possam responder aos actuais desafios políticos nacionais.

O Presidente da República visita hoje o Bairro Samora Machel, afectado por inundações, no distrito de Dondo, em Sofala.

Entretanto, ontem Filipe Nyusi, à sua chegada na cidade da Beira, enalteceu o papel da mulher moçambicana no processo de desenvolvimento sócio-económico do país.      

O Chefe do Estado, que falava por ocasião do 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, ontem assinalado, reconheceu o seu papel e suas capacidades, nos diversos cargos que tem ocupado.

“A nossa Mulher tem ou não tem capacidades? Não há essa dúvida, eu tenho orgulho de ter no meu governo mulheres. No grupo dos professores a maioria são mulheres. Queria aproveitar esta esta ocasião aqui com estas mulheres de Sofala, mulheres da Beira, em representação de todas as mulheres de todo o país para dizer que nós rendemos homenagem a vocês, o país reconhece a vocês”, disse.

Hoje, na qualidade de Presidente da Frelimo, Filipe Nyusi, orienta a primeira reunião nacional de mobilização e comunicação deste partido.

(RM)

O Governo moçambicano diz haver entendimentos com o Banco Russo, VTB, para sanar a dívida pública contraída a favor das empresas EMATUM, MAM e ProÍndicus.

Esta informação foi dada pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, José Pacheco, durante uma conferência de imprensa conjunta com o Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Serguei Lavrov.

José Pacheco acrescentou que decorrem trabalhos técnicos, a nível dos pelouros responsáveis, para seguir com o processo.

Ainda este mês, o Governo moçambicano deverá reunir-se com os credores da dívida pública, para avançar nas discussões de reestruturação. (RM)  

Escolha do editor

Publicidade

Cultura

Sociedade

Rádios Online

Antena Nacional

EP Gaza

EP Sofala

RM Desporto

EP Nampula

Inquerito

O que acha do nosso novo website?

Meteorologia

Mostly Clear

20°C

Maputo, MZ

Mostly Clear

Humidity: 92%

Wind: 17.70 km/h

Programação

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Conosco